segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Dica de Anime: Psycho-Pass


Gênero: Ação, Ficção Científica, Suspense.

Para os amantes da pegada Cyberpunk. Psycho-Pass já inicia seus episódios mostrando excelente potencial.

A história se passa em um mundo onde o julgamento de criminosos é dado por um sistema que analisa o estado mental das pessoas e as categoriza como potenciais criminosos ou não, intitulado de "Sybil". Psycho-Pass nada mais é do que esse nível de potencial criminoso, que cada pessoa possui e os níveis variam de indivíduo com potencial de cura, que deve ficar isolado através de um método de "terapia" até que seu Psycho-Pass volte ao nível aceitável pelo sistema ou os Irrecuperáveis, que quando julgados pelo sistema podem ser presos ou mortos imediatamente. O mais absurdo, é que a pessoa pode ser classificada como irrecuperável mesmo não tendo cometido nenhum crime.


Porém existe um grupo de prisioneiros especiais recrutados pela polícia, chamados Executores que trabalham para ajudar a capturar ou matar esses indivíduos com os níveis de Psycho-Pass inaceitáveis. Com isso existem as Dominators, ou "Os olhos de Sybil" que são armas usadas para julgar e executar as ordens emitidas pelo sistema.


A personagem principal é a Akane Tsunemori, que é uma policial que acaba de ser transferida para essa divisão de Executores e passa por missões perigosas durante a série, enfrentando vários tipos de criminosos psicopatas.


Psycho-Pass passa uma ótima sensação de série policial americana. A violência dos crimes ou até das consequências dos embates policiais são explicitamente representadas, com muito sangue. O tratamento com os personagens do excelente roteiro é um ponto alto, principalmente no caso da protagonista Akane, que sofre uma boa evolução da primeira para a segunda temporada. A mudança é muito perceptível.


O Production I.G também faz um excelente trabalho com a animação de acordo com sua boa reputação no mercado de animes. Outros quesitos técnicos como trilha sonora e cenas de ação, também se mostram acima da média.


Os psicopatas são incrivelmente insanos e várias situações fazem refletir, se realmente é válido um sistema de julgamento desse tipo, decidir quem deve ou não deve morrer.


 
Não fica atrás dos grandes clássicos da ficção em que se baseou para criar sua história original. Ver as cidades futuristas, cores deprimentes e personagens carregados de problemas pessoais assim como outros grandes obras cyberpunks, é o que esse anime representa muito bem.

PARA AJUDAR O BLOG:

- APERTE NO BOTÃO "RECOMENDE ISTO NO GOOGLE" ABAIXO DA POSTAGEM, ISSO AJUDA MUITO NA DIVULGAÇÃO;

- SIGA O BLOG NO TWITTER E CURTA NO FACEBOOK, LEVA SÓ UM SEGUNDO E O ASSISTIDOR AGRADECE!

0 comentários:

Postar um comentário