terça-feira, 9 de maio de 2017

Dica de Mangá: Bocchi na Bokura no Renai Jijou

 
Gênero: Comédia, Romance, Escolar, Slice of Life

Pra quem procura por uma obra rápida e com um bom romance escolar.

Ler comédias românticas rápidas, é uma ótima forma de passar o tempo, principalmente para quem adora esse gênero. Se procurarmos na internet, podemos encontrar muita coisa boa e desconhecida, entre os milhares de títulos de mangá existentes.

A dica de hoje, é um mangá de autoria de Tokio Shima, que consiste em apenas 2 volumes num total de 14 capítulos de uma média de 20 páginas cada.


Ichijou Hajime é o protagonista da obra. O jovem de 16 anos, percebe que logo após as férias de verão do primeiro ano do ensino médio, todas as pessoas de sua classe começaram a namorar. Como acabou ficando sobrecarregado, devido algumas atividades e seu emprego de meio período, não conseguiu fazer nada além de trabalhar. Sendo assim, agora ele é o único solteiro da classe.


O motivo de ser o único solitário, acaba gerando piadas engraçadas por parte dos colegas de classe. Hilário perceber que até a professora arranjou alguém. Mas apesar de não admitir, o fato de não ter uma namorada incomoda um pouco o rapaz.


 
 
Mas logo no primeiro dia após a volta das férias, uma nova estudante se transfere para a classe de Hajime, estudante essa chamada Ninomiya Chitose.

 
Com os novos relacionamentos na classe, o representante da turma, bola um plano para a troca de assentos, fazendo assim com que os casais se sentem um ao lado do outro. Sendo Hajime e a novata Ninomiya, os únicos solteiros da classe, os dois acabam sentando lado a lado.


Esse é o ponto de partida da história para o início do relacionamento dos dois. O divertido de tudo, é a pressão que os colegas de classe fazem, para que os dois comecem a namorar logo.



Com a rápida apresentação do casal protagonista, começamos a conhecer um pouco mais deles. De cara já se percebe, que Hajime é o tipo de pessoal que devido a sua sinceridade e má escolha de palavras, acaba ofendendo sem intenção as pessoas. Isso já acontece no primeiro capítulo, quando ele diz algo que irrita Chitose, criando uma briga já no primeiro dia do voltas aulas.

Após essa rápida premissa, os capítulos se estendem contando o cotidiano do casal, que apesar das brigas se dão muito bem um com o outro. Chitose acaba querendo ficar mais amiga de Hajime, até por que se sente deslocada em meio à tantos casais na escola. Fora que em casa, a jovem não tem muito contato com a família, que vive trabalhando, estando assim sempre sozinha. Hajime acaba virando sua companhia, o que notoriamente acaba gerando sentimentos mais profundos por parte da jovem.

O grande impasse para o começo dá relação é Hajime, que apesar de gostar de Chitose, não quer começar uma relação com ela só pela pressão da turma. Ele não acha legal começar a namorar com a jovem, só para deixar de ser o único solteiro da sala. Com isso vemos que apesar da língua afiada e de um comportamento algumas vezes arrogante, o jovem é muito respeitoso e valoriza Chitose.

Conferimos então os desafios até que a relação finalmente se estabeleça. O mangá não é nenhum inovador no gênero comédia romântica, mas consegue entregar uma história bonita e bem pé no chão. O interessante é que o autor, ainda dá espaço para mostrar a relação de outros casais na trama.



No meio do relacionamento vemos as coisas acontecendo de forma bem comum. Sorrisos, brigas e choros, até a chegada do entendimento mútuo e do ponta pé inicial para o início do namoro dos dois.



Portanto se está a procura de um material rápido e divertido, está dica pode lhe agradar. Em menos de duas horas dá para ler os dois volumes. O mangá está em ótima resolução de imagens e com tradução no Mangá Host, veja o link abaixo e divirta-se.

Link: Bocchi na Bokura no Renai Jijou - Online


PARA AJUDAR O BLOG:

- APERTE NO BOTÃO "RECOMENDE ISTO NO GOOGLE" ABAIXO DA POSTAGEM, ISSO AJUDA MUITO NA DIVULGAÇÃO;

- SIGA O BLOG NO TWITTER E CURTA NO FACEBOOK, LEVA SÓ UM SEGUNDO E O ASSISTIDOR AGRADECE!

0 comentários:

Postar um comentário

COMPARTILHE